JOGOS DE INTEGRAÇÃO DO CAJU

Provocar para que crianças e jovens vivenciem o esporte e seus valores sociais para além da prática, ampliando sua cultura lúdica e promovendo a integração por meio de modelos de ação, conduta e diálogo fornecidos pela prática esportiva é um dos principais objetivos do Programa Dois Toques e que tem reflexo direto nos Jogos de Integração do Caju. CAju

Os jogos de Integração visam incentivar escolas e projetos do bairro do Caju a promover o esporte como ferramenta de educação, tanto como exercício de vida coletiva, como ambiente cultural e de direito. O evento tem o poder de mobilizar e integrar centenas de crianças e jovens da região por meio de competições, esporte e lazer, atividades que agitam o ambiente dos alunos durante uma semana.

Em 2014, o evento chegou a sua 8ª edição, mais uma vez contando com a participação de diversas escolas e projetos. A aceitação e importância do evento para o bairro é a comprovação do bom resultado de uma proposta que surgiu há 7 anos e de como a força do esporte pode ser canalizada como instrumento de educação.Cajuu

Comentários de pais e alunos como, “muito legal, deveria acontecer mais vezes” e “arranjei um tempinho pra vir assistir meu filho jogar e foi bem legal”, demonstram como o evento é positivo.

Neste ano foram 5 modalidades escolhidas: atletismo (corrida), basquete, futsal, queimada e taco. Divididos por categorias de idade, os alunos competiram durante uma semana (12 a 15 de agosto), com muito esporte e diversão.cajuuu

Além das atividades esportivas, a 8ª edição contou mais uma vez, em sua cerimônia de encerramento, com a apresentação especial da Equipe de Ginástica Rítmica da Vila Olímpica da Mangueira, um verdadeiro show.

Para o ano que vem esperamos que o esporte como ferramenta educacional esteja ainda mais fortalecido e que o evento se torne ainda mais importante para comunidade do Caju.Cajuuuu

* Os Jogos de Integração do Caju fazem parte do Projeto Dois Toques, que tem como principal financiador o Grupo Segurador BB e MAPFRE, via Lei de Incentivo ao Esporte.

Gostou? Então seja um sócio titular e ajude também na transformação social de milhares de crianças e jovens da Fundação Gol de Letra.

Programa Sócio Titular e Fundação Gol de Letra – Feliz de Quem Participa

 

Juventude e a Gol de Letra

A juventude é uma das etapas mais cruciais da vida. É tempo de mudanças, incertezas e decisões. Na Gol de Letra, as oficinas oferecidas a essa faixa etária buscam oferecer informações e subsídios para ajudar os jovens nessa fase tão importante. Assista a mais esse vídeo da série “Nosso Jeito de Fazer” e saiba mais.

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

Oito anos Gol de Letra Caju

Uma retrospectiva feita por quem vive essa história desde o começo

Fui fazer uma pesquisa sobre o significado do número 8 e, para minha surpresa, vi que simboliza “equilíbrio”.

Acredito que durante os 15 anos de Gol de Letra o equilíbrio perfeito nunca existiu. Sempre estivemos envolvidos em uma luta diária entre projetos, orçamentos e financiadores, muitas vezes perdi meu sono pensando em todos os desafios que nos rodeavam.

Já tivemos muitas conquistas, muitas mesmo, acredito que muito além do que dimensionamos. Hoje, o nome da Gol de Letra é um nome forte, respeitado, reconhecido, uma referência no setor e tudo isso é fruto do trabalho de cada um de vocês que são parte fundamental desse processo. Hoje, a Gol de Letra, no Rio de Janeiro, faz 8 anos. Apesar de já termos navegado em mares turbulentos, realmente acredito que estamos caminhando para esse equilíbrio.

Caju

Recentemente, conquistamos um novo espaço, ampliando o espaço da nossa sede, ganhamos um pouco mais de segurança com a recente pacificação, ampliamos nossa relevância no Rio de Janeiro, aumentamos os projetos e, sobretudo, o número de crianças, adolescentes e jovens atendidos. Tudo isso me leva a acreditar que realmente estamos em um ótimo momento da Gol de Letra Caju e vislumbrando esse tal equilíbrio.

Sei perfeitamente como cada conquista é sempre suada, trabalhada, planejada, desejada (nada é simples no Terceiro Setor), mas acredito que elas vêm sempre acompanhadas de um doce sabor da vitória, materializadas e resignificadas nos sorrisos e nos progressos feitos por nossas crianças e pelos nossos jovens. E é isso que faz com que todo dia tenhamos ânimo para acordar e vir trabalhar no nosso Cajuzinho.

Caju

Para o “lado de fora”, a Gol de Letra tem a imagem de uma instituição sólida, uma referência no Brasil e vinculada à imagem do Rai. E isso é verdade, mas a Gol de Letra é também um reflexo de um grande time, composto por nossos colaboradores, empresas parceiras, comunidade, sócios titulares, voluntários. Nossa razão de ser continua sendo a transformação social das crianças, adolescentes e jovens.

Parabéns a todos e obrigada pela dedicação, colaboração e confiança.

E o nosso maior presente é saber que estamos fazendo a nossa parte para ter um país mais justo! E que venham mais oito, mais oito e mais oito … Vamos em frente com o entusiasmo de sempre !

Grande beijo
Beatriz Pantaleão,
Instituidora e diretora executiva da Fundação Gol de Letra

Sarau Mulheres da Vila

Evento do Programa de Jovens fez uma homenagem às moradoras da Vila Albertina

No dia 18 de março, o Programa de Jovens homenageou o Dia da Mulher por meio de um Sarau repleto de comida, poemas, pinturas, música e muita opinião. E nada mais justo do que realizar um evento deste em um local marcado pela luta de mulheres tão importantes para a Vila, o Reciclação (espaço de reciclagem próximo à Gol de Letra)!

Eva, que é idealizadora do projeto Reciclação junto com a agente social Sônia, contou o que representa a reciclagem, seus processos e importância para o meio ambiente. Após essa abertura o Sarau teve duas horas com muitas intervenções das oficinas e equipe do Programa de Jovens e crianças da comunidade.

Sarau - PJ 2014

“Está tudo maravilhoso! Não imaginava que fosse tão bom”, comentou Nivia, jovem da oficina de marcenaria em parceira com o Instituto Leo.

Ao todo foram 26 mulheres da comunidade que participaram do evento, recebendo as homenagens e uma lembrança ao final, produzida pela jovem Paloma.

“Quando tiver mais não deixe de nos convidar”, brincou uma das moradoras da comunidade.

Este sarau marcou o início das atividades em comum das oficinas do Programa de Jovens de maneira muito positiva: intervindo na comunidade, valorizando nossas mulheres e abrindo espaço para expressão dos jovens. O resultado trouxe uma grande alegria aos organizadores da Gol de Letra e às responsáveis pelo Reciclação.

Homenagem a Claudia Rio

“Gratidão a todos os jovens do Programa de Jovens da Fundação Gol de Letra, aos educadores que conheci hoje e aos que já conhecia: GRATIDÃO! GRATIDÃO! GRATIDÃO! Foi maravilhoso! Podemos fazer muitos outros! Quantos quiserem!”, se entusiasma Eva, da ONG Reciclação.

Nós (da Gol de Letra) é quem agradecemos, Eva, por abrir este importante espaço para nós.

Parabéns aos jovens e às mulheres da Vila!