V MOSTRA CULTURAL DO PROGRAMA DE JOVENS (SP)

Adolescentes e jovens fizeram apresentações de teatro, dança, música, exposições de graffiti, fotos e vídeos com a presença de familiares, amigos e comunidade

Finalizando as atividades do ano, o Programa de Jovens realizou, no começo de dezembro, a V Mostra Cultural na E.E. Dr. Sócrates Brasileiro, na Vila Albertina. É um momento de coroar o trabalho realizado ao longo do semestre nas oficinas culturais e de comunicação. Um dia em que educandas e educandos têm a oportunidade de mostrar seus trabalhos e se expressar para o público presente.

No teatro, o grupo encenou uma apresentação livremente inspirada no universo da obra “Alice no País das Maravilhas”, com direito a mestres de cerimônia caracterizados de Chapeleiro Maluco Rainha de Copas, personagens da história.

A turma da Dança e Corpo e Ritmo montou a coreografia “Quem Sou Eu”, com passos que, para eles, expressam momentos da vida pessoal de cada um e como se sentem no cotidiano. Seguindo a mesma linha de buscar referências de identidade, o grupo do Graffiti levou telas que exibem rostos com características marcantes evidenciadas, aquarelas com a temática Juventude e Política, além de um mural com pinturas e colagens formando rostos inteiros a partir de duas faces distintas. Uma bela e representativa exposição.

Já o pessoal do Audiovisual, Fotografia e Novas Mídias, realizou uma mostra com trabalhos relacionados ao olhar para a natureza, urbanismo e diversidade. As criações foram exibidas em formatos de projeção e um portfólio digital, pelo qual público interagia visitando os trabalhos. Uma grande lona exibiu a exposição fotográfica “Corpos que Falam”, com imagens produzidas no final de 2017. A obra debate sobre questões raciais a partir de pinturas corporais de emancipação da juventude preta, que vive e resiste ao racismo diariamente.

A animação ficou por conta do grupo musical da Vila Albertina, o Poeticamente MCs, que cantou músicas autorais e fez todos cantarem juntos e também de dois jovens alunos da Promove Vila Albertina, Victor e Thaís, que entoaram versos em ritmo de rap.

Toda a concepção das apresentações é escolhida e pensada pelos jovens, que participam desde a montagem até a mobilização dos convidados para o evento. Parabéns, galera!

Quer contribuir com o nosso trabalho? Seja um(a) Sócio(a) Titular e ajude a fortalecer os nossos programas: www.goldeletra.org.br/doe

Premium WordPress Themes Download
Download Premium WordPress Themes Free
Free Download WordPress Themes
Premium WordPress Themes Download
lynda course free download
download karbonn firmware
Premium WordPress Themes Download
free online course