Noite cultural encerra atividades de 2019 do Programa de Jovens

Os monitores e educandos do Programa de Jovens promoveram, na última quinta-feira de novembro (28), na EE Dr. Sócrates Brasileiro, uma Noite Cultural para expor e apresentar os trabalhos desenvolvidos ao longo do segundo semestre. Os monitores de cada atividade explicaram ao público sobre o processo artístico e pedagógico envolvido em suas práticas. 

Na oficina de audiovisual do colégio E.E. Prof. Leônidas Paiva, os educandos produziram fotografias sob o tema “Mais respeito, por favor”. As imagens são uma forma de protesto e conscientização sobre o respeito ao próximo, independente de sua identidade de gênero e orientação sexual.

Na mesma oficina, mas com educandos da E.E. Dr. Sócrates, foi produzido um mural de lambe-lambe no colégio com estudos fotográficos coloridos e em movimento. A chuva impediu que os visitantes chegassem ao mural, mas os alunos encontraram uma solução criativa para o impasse.

A oficina de grafite trouxe a exposição de diversas artes dos educandos, todos trabalhados em temas como identidade e igualdade racial e de gênero. O muro frontal do colégio E.E. Dr Sócrates também ganhou um novo desenho, elaborado e produzido pelos educandos.

“Cada jovem teve espaço para se expressar livremente em sua obra, onde puderam trabalhar suas questões pessoais e as temáticas trabalhadas durante as rodas de conversa na oficina”, escreveu a educadora de grafite Caroline Luz, a Caluz, sobre os trabalhos apresentados.

A mostra ainda contou com um cordão cheio de depoimentos dos educandos do programa, além da exibição das peças de madeira feita pelos educandos da oficina de marcenaria, realizada em parceria com a Leroy Merlin. As peças foram sorteadas no fim da noite para o público presente.

A turma da oficina de percussão apresentou cinco ritmos ao público presente, entre eles o maracatu, a capoeira e também o samba-reggae, todos de origem africana ou nordestina. Os educandos mencionaram os esforços do educador em promover não apenas o aprendizado técnico, mas também a atenção, o trabalho em grupo e o brincar.

O resultado da oficina de dança apresentado foi uma coreografia contemporânea, que trabalhou temas como o trabalho no mundo jovem. O educador Edson Batista ressaltou que outros ritmos foram trabalhados durante o processo das aulas, inclusive uma coreografia de hiphop apresentada em outros eventos da Fundação Gol de Letra no segundo semestre.

A noite terminou com a apresentação da peça “Lugar Estranho”, dos educandos da oficina de teatro. A obra também trabalhou temas relacionados ao mundo do trabalho, à falta de direitos e à poda dos desejos profissionais dos jovens em situação periférica.

Mais de 90 pessoas passaram pela mostra para ver a exibição de trabalhos e assistir às apresentações artísticas dos educandos.

Quer contribuir com o nosso trabalho? Seja um(a) Sócio(a) Titular e ajude a fortalecer os nossos programas: www.goldeletra.org.br/doe

Download Premium WordPress Themes Free
Premium WordPress Themes Download
Premium WordPress Themes Download
Free Download WordPress Themes
udemy course download free
download coolpad firmware
Download Premium WordPress Themes Free
udemy course download free