Seminário Gol de Letra debate Educação, Esporte e Assistência Social

No dia 15 de setembro, a Fundação Gol de Letra realizou o seminário “Educação, Esporte e Assistência Social – Uma articulação possível e necessária”. O evento teve como objetivo debater a relação entre teoria e prática dos princípios que norteiam o trabalho das organizações da sociedade civil que buscam promover atividades dentro desses três pilares.

O evento teve a abertura do diretor, Sostenes Oliveira, que destacou a importância do seminário e a trajetória da Fundação para promover a educação integral de crianças, adolescentes e jovens por meio de esporte, cultura e formação para o trabalho. Sostenes acrescenta – “A equação que movimenta o dia a dia da fundação é o crescimento das crianças e jovens em busca de uma nova visão de mundo proporcionada pela ampliação do seu universo cultural e o prazer em aprender”.

Na mesa 1 aconteceu o debate sobre Educação Integral e Assistência Social possibilidades e limites na atualidade e contou com a mediação de Carolina Nunes, assistente social do CRAS XV de Maio. Para o debate, a mesa teve como convidadas a Dra. Gleyce Figueiredo, assistente Social, mestre e doutora em serviço social e Raiana Ribeiro, coordenadora de programas da Cidade Escola Aprendiz.

Raiana Ribeiro deu início ao debate trazendo dados de como a pandemia afetou as famílias, principalmente as famílias com crianças e adolescente. A coordenadora também ressaltou como a pobreza impacta nas vidas desses jovens, não só pela falta de recursos monetários, mas também pelas privações que ela causa para o seu desenvolvimento. Em seguida foi a vez da Dra. Gleyce Figueiredo trazendo sua perspectiva sobre a educação integral. Gleyce ressalta a importância da educação que possibilite uma verdadeira construção de conhecimento e não só o fato de ocupar o tempo integral de vida do estudante com qualquer atividade. Para isso, trouxe ao debate a importância da escola pública, não só como meio de educação de base, mas também como acesso à cultura e lazer.

A mesa 2 contou com as participações de Felipe Pitaro, gerente da Fundação Gol de Letra – RJ e de Fatima Freire, pedagoga, educadora e autora do livro – Quem educa marca o corpo do outro e teve a mediação de Thainá Pinnola, coordenadora de esportes da Escola Municipal GEO Juan Antônio Samaranch. A mesa teve como tema: “Esporte educacional como possibilidade no desenvolvimento humano” e o objetivo foi debater o esporte educacional para o desenvolvimento dos sujeitos.

Fátima abriu a mesa introduzindo 3 conceitos: coragem, generosidade e amorosidade para marcar o corpo dos alunos e sobre a importância da fala do educador e como isso pode marcar o corpo do outro. Freire acrescenta sobre o cuidado para que o discurso seja entendido e não gere traumas nos indivíduos. Logo foi a vez de Felipe Pitaro debater os princípios do esporte educacional como forma de criar um espaço de liberdade, presença e diálogo para transformar as pessoas. Pitaro complementa com a importância de os espaços de vivência apresentarem possibilidades e colaboração no processo de escolhas para essa transformação.

Para finalizar nosso seminário tivemos a mesa 3 debatendo “Experiências e possibilidades na prática”. E para essa troca tivemos a participação de André Alcântara Martins, coordenador de desenvolvimento esportivo do Projeto Grael, Roberto Custódio, coordenador de projeto e esportivo na instituição Luta pela Paz e Aderlúcia Nascimento, coordenadora nacional da disseminação da metodologia Treino Social pelo Instituto Família Barrichello como mediadora da mesa.

André Martins deu início ao debate contando sobre o Projeto Grael e o processo de transformação dos jovens através da cultura marítima, ampliando o acesso aos esportes náuticos, utilizando-os como instrumento de educação, de estimulo a profissionalização, construção de cidadania e inclusão social. Em seguida Roberto Custódio contou sua trajetória de 22 anos dentro do projeto Luta pela Paz. Custódio que já foi atleta olímpico de boxe e hoje se tornou coordenador do projeto, trouxe aos participantes do evento o exemplo de como o esporte dentro de territórios periféricos pode transformar vidas através do desenvolvimento pessoal, cultural e valores.

O Seminário “Educação, Esporte e Assistência Social – Uma articulação possível e necessária” foi realizado com o patrocínio da Petrobras através do programa Petrobras Socioambiental e contou com mais de 100 participantes presenciais e acumula mais de 800 visualizações online. Ficou interessado em assistir na integra? Os vídeos estão disponíveis no canal da Fundação Gol de Letra no Youtube. Já estamos ansiosos pelo próximo!

Download Best WordPress Themes Free Download
Download WordPress Themes Free
Download WordPress Themes Free
Free Download WordPress Themes
lynda course free download
download coolpad firmware
Premium WordPress Themes Download
udemy course download free